Memória

Memória e História                                                                                                                                       voltar

 

Ao usar a História Oral – registrando narrativas – podemos fazer a ligação entre as histórias privadas e coletivas.
Temos que ter a consciência de que a história das empresas é também a história do Brasil.
É preciso cuidar dos acervos e das  pessoas que contam essa história.

Pode-se compreender memória como sendo a capacidade de reter, recuperar, armazenar e evocar idéias, saberes, sensações, emoções, sentimentos, informações e experiências acontecidas anteriormente.

Importante lembrar que o que a memória grava, recalca, exclui, relembra é o resultado de um trabalho de organização, portanto toda memória é seletiva.

Assim, cada um de nós carrega dentro de si suas vivências, impressões, acompanhadas de suas aprendizagens. Não guardamos tudo, pois a memória “também esquece”. Vale ressaltar que nosso jeito de considerar o que é significativo ou não, resulta do espaço e do tempo em que vivemos. A história de cada um de nós contém a história de um tempo, dos grupos a que pertencemos, das instituições as quais estamos ligada se das pessoas com quem nos relacionamos.

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: