Suzana Ribeiro mostra a importância da História para as organizações em artigo recém-publicado.

ScreenHunter_25 Feb. 05 16.37

As histórias das empresas sempre tiveram, para elas mesmas, um papel secundário, ilustrativo, periférico. Agora, elas passaram a ser ferramentas de gestão, tão importantes quanto a marca ou a qualidade dos seus produtos. Assim, o papel da história da empresa torna-se central, importantíssimo na definição dos rumos da organização.

Este é o tema de mais um artigo da professora doutora Suzana Ribeiro (*), publicado em livro.  Desta vez o livro é “História e Memória”, recém-publicado pelo SESC e a Editora Difusão. É o quarto volume da Coleção Faces da Cultura e da Comunicação Organizacional, coordenada pela professora doutora Marlene Marchiori.

“Para planejar o futuro da organização é preciso conhecer bem como ela nasceu e cresceu até hoje, É preciso ver o que já foi feito e como foi feito” – afirma Suzana, lembrando que esta memória de origens e rumos sempre foi guardada pelos dirigentes da organização, que a serviam por longos períodos, muitas vezes, pela vida inteira, Hoje, o tempo médio de um dirigente na organização não passa de x anos, Então, para ele conhecer bem a cultura da organização é preciso que ela já tenha sido coletada e organizada, com base em documentos e depoimentos que formam a história da organização.

(*) Artigo:Histórias e Memórias, elementos constitutivos da expressão de culturas nas organizações.

Páginas iniciais da obra.

Sobre falaeescrita

Doutora em História Oral pela FFLCH da USP Ver todos os artigos de falaeescrita

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: