Salto Grande inicia pesquisa histórica e prepara exposição

Acompanhamos atualmente grande crescimento de iniciativas que têm como objetivo registrar histórias e experiências dos mais diversos lugares e pessoas. A História cada vez mais tem sido campo de ampliação de perspectivas e, neste sentido, o enfoque político e econômico, durante muito tempo predominante nos estudos, tem dividido espaço com abordagens sociais e culturais.

Ao lado da documentação predominantemente escrita, cada vez mais os profissionais envolvidos com registros históricos têm lançado mão de fontes de origem variada, complexificando os processos sociais e pluralizando a produção de conhecimentos. As fontes iconográficas, da cultura material e da oralidade ganham espaço e revestem com novas cores as histórias que conhecemos.

O município de Salto Grande, a partir de iniciativa da Fundação Energia e Saneamento, deu início a pesquisa histórica acerca da trajetória da cidade, marcada pela presença da ferrovia e da usina hidrelétrica que ali se instalou.

A pesquisa conta com a consultoria de pesquisadores da Fala Escrita e tem como um de seus objetivos a inauguração de uma exposição, a qual será organizada em quatro salas, cada uma destinada a uma abordagem específica: uma delas será destinada a exposições temporárias,  a história regional e a biodiversidade local terá espaço de destaque, bem como a história da energia, aspecto caro à trajetória do município. Além disso, haverá uma sala reservada para a linha do tempo da história da cidade.

A pesquisa permitirá o registro e divulgação de importantes momentos da história local, a será permeada por informações coletadas a partir de entrevistas com moradores da região, os quais poderão cada vez mais se empoderar de sua própria história, além de tornar mais plural a produção de saberes sobre a localidade.

Será possível acompanhar histórias como a da instauração do primeiro cinema da cidade em 1924, construído em um barracão coberto de folhas de zinco, algo propiciado pela instalação da luz elétrica. Um cinema mudo acompanhado por uma orquestra e que certamente encantou gerações que lá estiveram antes de nós.

Anúncios

Sobre falaeescrita

Doutora em História Oral pela FFLCH da USP Ver todos os artigos de falaeescrita

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: